Como digitalizar sua empresa em 2018
Digitalizar sua empresa

O universo digital, atualmente, é a melhor plataforma para sua marca ganhar visibilidade e atingir novos públicos. Se posicionar em um mercado acirrado está se tornando cada vez mais difícil, e o modelo offline está dando seu espaço para ferramentas digitais e suas automações.

Quando você olha a sua volta, percebe que todos estão se tornando mais digitais e inovando seus processos, enquanto você anota tudo naquele velho caderninho brochura? E com isso sente que seus negócios não evoluem e, talvez, você esteja perdendo negócios ou clientes? Resumindo: quando se trata de negócios na internet você fica só a Nazaré fazendo cálculos?

Então, CALMA! Existem alguns passos que você pode realizar para poder inserir seus negócios nesta proposta, e vamos ajudar você nisso. Confira os itens:

Criar um Site

O primeiro passo é criar um site para seu negócio. Para isso, será necessário um domínio, que nada mais é que o seu endereço na internet. A partir disso, a ideia é que você deixe ele com a cara da sua marca, personalizando e montando de maneira que o público se identifique.

O site será a sua identidade digital, onde todos os clientes e possíveis clientes irão buscar informações. Portanto, nada melhor do que deixar a casa arrumada e bem bonita visualmente para que todos queiram entrar, né não?

Dicas importantes para a construção do site:

  • informações 100% atualizadas
  • identidade visual da marca
  • descrições claras
  • opções de atendimento
  • acessibilidade móvel

Digitalizar Processos

A maneira offline de fazer negócio já não é mais tão viável levando em consideração o avanço tecnológico em que vivemos hoje, e isso não serve só para empresas ligadas à tecnologia, é válido desde a fruteira da rua de trás até a indústria têxtil que produz aquele vestido lindo.

Alguns processos que você realiza diariamente podem se tornar mais fáceis quando digitalizados, além de otimizar o tempo, podem ser aliados da sua organização – até porque ninguém merece fazer busca naquela planilha de 500 páginas não é mesmo?

Praticamente tudo o que é feito relacionado a dados e informações importantes pode ser digitalizado e armazenado em algum sistema, basta uma boa pesquisa na internet que você irá encontrar ferramentas para tudo o que você precisa – não é exagero, você pode encontrar TUDO mesmo.

Você pode digitalizar:

Avaliação de fornecedores

Sabe quando aparece fornecedores desconhecidos batendo na sua loja ou ligando pro seu telefone oferecendo seus serviços, falando e mostrando tanta coisa que na hora de escolher você nem lembra qual é de quem? Existem plataformas que podem ajudar a organizar isso.

Controle de estoque

Ficar anotando ou registrando individualmente tudo o que há em estoque é muito 2007. Hoje você pode utilizar ferramentas que irão automatizar essa tarefa para você.

Orçamentos

Se você precisa planejar seu orçamento empresarial, poderá encontrar alguns facilitadores e assim você não precisará mais gastar a ponta do seu lápis.

Controle de vendas

Nada é mais cansativo do que passar manualmente todas as vendas realizadas no dia para uma planilha do excel e tabulando todos os dados. Então, você pode utilizar alguns recursos que vão ajudar esse processo.

Cadastros de clientes

Pior que o controle de vendas em planilhas, só o cadastro de clientes, que mais parece aquela lista da telefônica de 2001 de página amarela. Aquela coisa que não parece ter fim, e só piora na hora de pesquisar algum cliente. Portanto, alguns serviços podem tornar sua vida mais fácil.

Notas fiscais

Até mesmo as notas fiscais podem deixar de ser um problema para você, sendo emitidas de maneira online com alguns softwares.

Estar presente nas Redes Sociais

Atualmente, as redes sociais são as maiores aliadas do marketing digital – e estão presentes em quase tudo o que fazemos, estamos quase sendo observados por elas. Através delas é possível interagir com seu público de maneira muito mais expressiva e atrair novos interessados também. Para cada plataforma existe um objetivo específico e um conceito diferente de comunicação.

Facebook

Com o facebook você pode desenvolver um diálogo mais profundo com seu público, compartilhando diferentes formatos (fotos, vídeos, lives…) e conteúdos interessantes, além dos tradicionais textões que o povo de lá adora.

Twitter

No twitter, a linguagem mais descontraída e informal dá espaço para um diálogo mais aberto, porém menos atemporal com seus clientes. Afinal, são apenas poucos caracteres e muitas postagens, o que gera uma vida mais curta ao conteúdo.

Linkedin

Rede social profissional, o Linkedin é um canal para construir oportunidades de emprego e encontrar parceiros de mercado ou até mesmo fornecedores e prestadores de serviços.

Instagram

Ótimo para compartilhar relacionamentos internos e ações da sua marca, o Instagram é a rede social de fotografias. Você pode publicar no seu perfil ou na categoria que desaparece após 24 horas, chamado “stories”. Além da possibilidade de compartilhar vídeos e lives.

Para um bom desenvolvimento das suas publicações também é importante que você impulsione elas. Investir um pequeno valor no seu conteúdo é uma maneira de dar visibilidade a marca e gerar maior engajamento, mas lembre-se de produzir um conteúdo interessante e divertido, impulsionar não vai fazer com que as pessoas se interessem por ele.

Produzir Conteúdo

Já que estamos falando de redes sociais, bem como o Blog e o YouTube, é importante que você produza seu próprio conteúdo. Uma das coisas que a transformação digital possibilita, é que as empresas deixem de ser apenas fornecedores de produtos e serviços, e levem informações, compartilhem experiências, criando histórias inspiradoras e desenvolvendo relacionamentos.

Esse conteúdo pode ser criado de diversas formas, desde um vídeo institucional até um material de dicas sobre determinado nicho.

Algumas dicas-chave da criação de conteúdo:

  • Seja criativo: mostre que a marca vai muito mais além do que o produto que vende
  • Escreva e publique textos: os blogs são ótimas plataformas na captação de novos clientes
  • Varie nos formatos: ninguém gosta de ver sempre a mesma coisa, ainda mais hoje que com um clique tudo muda
  • Construa parcerias: mostre seu interesse em parceiros e interaja, isso trará visibilidade e bons relacionamentos (afinal, é pra isso que existem redes sociais)
  • Monte um cronograma: para fins de métricas (e organização também), é importante que você tenha um cronograma para o conteúdo

Interagir e Posicionar

Por fim, é importante que você saiba bem quem é sua empresa e até personifique sua marca. Na era digital, a interação com o público e a agilidade no diálogo são essenciais. A maneira com que você se posiciona, tanto nas redes sociais quanto nos seus próprios canais de comunicação, como seu site por exemplo, têm impacto nos resultados e na interação do público com o seu negócio.

Agora que você já sabe os passos para realizar esse processo, nos conte como foi inserir o seu negócio no universo digital! 😃

Comente este post