hospedagem Linux ou Windows

Após escolher e registrar seu domínio, o próximo passo é contratar uma hospedagem para seu site. Nessa etapa do processo, surgem muitas dúvidas sobre qual tipo de hospedagem contratar: Linux ou Windows?

Para tornar seu processo de decisão mais fácil, vamos abordar nesse post algumas dicas para escolher a hospedagem ideal, de acordo com a necessidade de seu site.

Sobre o Linux

O Linux foi desenvolvido pelo finlandês Linus Torvalds, em 1991, que decidiu criar um sistema mais poderoso que o MINIX, um sistema operacional simples, criado por Andrew S. Tanenbaum, um renomado professor de computação, que disponibilizou o sistema para servir de auxílio no ensino de computação. O MINIX, por sua vez, é um projeto baseado em sistema operacional que tem grande participação na história da computação: o UNIX.

O nome Linux surgiu da mistura de Linus + Unix.

O Linux é um sistema de código aberto, desenvolvido por programadores voluntários espalhados por toda internet e distribuído sob uma licença pública GPL. Para esclarecer algumas dúvidas sobre o sistema uma alternativa é a Comunidade Linux no Brasil.

Sobre o Windows

A Microsoft surgiu em 1975, a partir de uma parceria entre Bill Gates e Paul Allen. Em 20 de novembro de 1985, a Microsoft começa a vender o Windows 1.0, construído sobre o MS-DOS, com funcionamento apoiado nas entradas inseridas em linhas de comando do sistema. Apesar disso, a Microsoft já havia colocado suporte ao mouse, incluindo, também, um jogo para ensinar as pessoas a utilizarem esse novo periférico.

O nome Windows foi escolhido pois descreve melhor as “janelas” de computação, que são fundamentais para o novo sistema.

O Windows é software proprietário, não possui código fonte disponível e é necessário a compra de uma licença pra ter o direito de usá-lo. O fórum da Microsoft no Brasil é uma boa fonte de conteúdo sobre o sistema operacional.

Como escolher a hospedagem ideal para meu site?

O primeiro passo para decidir entre Linux ou Windows para a hospedagem de seu site, é conhecer qual a linguagem de programação em que sua página foi desenvolvida. Servidores Linux, no geral, têm servidor web Apache e suportam linguagens de programação de servidor como PHP, Perl, Python e JSP e bancos de dados MySQL ou PostgreSQL. Já servidores Windows, geralmente usam IIS (Internet Information Services) e suportam linguagens ASP ou ASP.Net e bancos de dados SQL Server.

Para explicar melhor essa diferença, acompanhe na tabela abaixo:

hospedagem-linux-ou-windows

A título de curiosidade, abaixo temos uma tabela da Netcraft, que detalha as linguagens de programação usadas nos sites hospedados na web.

hospedagem-linux-vs-windows-3

Lembrando que o sistema operacional que você usa no seu computador não deve governar sua escolha. Você pode, por exemplo, escolher um servidor Linux, mesmo que tenha desenvolvido seu site em um computador com sistema operacional Windows.

Outro ponto que você precisa atentar na hora de decidir qual hospedagem escolher é se seu site será desenvolvido através do construtor de sites. Caso decida utilizar esse recurso, sua hospedagem deve ser Windows. Se pretende desenvolver seu site através de um CMS (WordPress, Joomla ou Drupal) a escolha deve ser pela hospedagem Linux.

Convidamos os especialistas em hospedagem de sites da RedeHost, Ricardo Pasini e Leonardo Souza, para um bate papo. Eles compartilharam conosco algumas dicas sobre hospedagem de sites. Confira:

Blog RedeHost: Caso o usuário contrate uma hospedagem que não seja compatível com seu site já desenvolvido, qual seria a solução?

Leonardo Souza: Geralmente isto ocorre quando o site foi desenvolvido em uma linguagem especifica, por exemplo ASP.NET, ou quando o mesmo recomenda uma plataforma especifica por ter funções exclusivas, por exemplo WordPress e outros CMSs que pedem plataforma Linux.

Ricardo Pasini: Caso seja contratada uma hospedagem incompatível com a aplicação, primeiramente, seria necessário realizar o backup de qualquer recurso utilizado no momento (E-mails, banco de dados e arquivos). Após isso, o plano atual pode ser cancelado e pode ser liberado o plano na plataforma desejada. Não será possível ter dois serviços iguais (plano de hospedagem) para o mesmo domínio.

BRH: Quais são os próximos passos após contratar a hospedagem?

Ricardo Pasini: Utilizar os recursos disponíveis no serviço, criar contas de e-mails personalizadas com @domínio, publicar seu site dentro do servidor, podendo publicar através do painel de controle ou através de conexão FTP. Caso prefira, pode instalar uma aplicação e dar inicio na criação do site através da área administrativa.

BRH: Quais pontos devem ser observados na hora de contratar uma empresa de hospedagem de sites?

Leonardo Souza: Qualidade do suporte, valor do serviço, custo benefício, qualidade da estrutura dos serviços e pesquisa de mercado para verificar as qualificações da empresa.

BRH: Como funciona a migração de uma hospedagem?

Ricardo Pasini: A migração consiste em transferir todos os recursos utilizados para um novo provedor de hospedagem. Inicialmente, será necessário contratar o serviço em um determinado provedor, depois disso será necessário fazer o backup do site para o computador, e, por fim, realizar o upload para o novo provedor contratado. O mesmo processo é valido para o banco de dados, sendo necessário realizar o backup da base de dados e importá-lo para um novo banco de dados criado no novo provedor.

A migração do serviço de e-mails varia com a forma de utilizá-los. Caso já esteja sendo utilizado gerenciadores de e-mails, em caso de conexões POP, os e-mails já foram baixados para o computador, mas em casos de conexão IMAP, ou em casos de não utilizar gerenciador de e-mails, é possível verificar se o novo provedor fornece algum recurso de migração, se não será necessário realizar conexões POP em gerenciadores, como mencionadas anteriormente.

Lembrando que deverão ser migrados somente os recursos utilizados (site, banco de dados e e-mails).

Leonardo Souza: A fim de auxiliar este processo criamos a ferramenta goodbye.host.

Pensando em facilitar a tarefa de escolha da sua hospedagem de sites, produzimos um material, trata-se de um guia onde apontamos qual tipo de hospedagem é indicada para cada situação.

hospedagem-linux-ou-windows

Esperamos que esse conteúdo tenha ajudado você a sanar suas dúvidas sobre hospedagem de sites. Caso tenha alguma dúvida que não abordamos neste post, envie pelos comentários!

Se você está pensando em contratar uma hospedagem de sites, temos alguns posts que podem te ajudar a esclarecer algumas questões importantes neste processo.

hospedagem-linux-vs-windows-5

Comente este post